WoW Classic: Naxxramas já está no ar!

por Blizzard Entertainment em December 3rd às 10:00pm

Pairando acima das Terras Pestilentas, a necrópole conhecida como Naxxramas abriga um dos mais poderosos asseclas do Lich Rei, o temível lich Kel’Thuzad. Horrores do passado e novos terrores prestes a serem libertados se reúnem na necrópole enquanto os servos do Lich Rei preparam um ataque. O Flagelo volta a marchar…

Reúna 40 bravos aventureiros para enfrentar os terrores em seu interior e pôr as mãos nas recompensas, como a Lasca de Atiesh, a Crematória Corrompida, o Filactério de Kel’Thuzad, encantamentos de ombreiras e conjuntos de raide de nove peças para cada classe, que concedem bônus adicionais quando você equipa 2, 4, 6 ou 8 peças do conjunto.

Conjuntos de Raide

Druida: Traje Andassonho, Caçador: Armadura do Criptalante, Mago: Paramentos de Fogofrio, Paladino: Armadura da Redenção Sacerdote: Vestimenta da Fé, Ladino: Armadura Ceifa-ossos, Xamã: O Quebraterra, Bruxo: Traje Coração Pestilento, Guerreiro: Equipamento de Batalha Couraçado


A Chave da Necrópole

Para entrar em Naxxramas, você deve obter a harmonização se tornando Honrado pela Aurora Argêntea, o que desbloqueia a missão A cidadela medonha: Naxxramas. Depois, será preciso coletar matérias-primas para a Arquimaga Ângela Santoro na Capela Esperança da Luz. Após a harmonização, você terá acesso a um teleporte que levará você e sua equipe diretamente para Naxxramas.

Dica: as matérias-primas para a conclusão da missão podem ter um custo alto, mas, à medida que você melhora sua reputação com a Aurora Argêntea, os custos caem, zerando com a reputação Exaltado.

Chefes: 15
Nível: 60
Local: Terras Pestilentas Orientais


Chefes

A necrópole conta com quatro alas, distritos com seus próprios inimigos que devem ser derrotados antes do confronto com Kel’Thuzad, à espera na Necrópole Superior.

Ala das Abominações (Distrito dos Constructos)

A Ala das Abominações abriga várias abominações quiméricas, formadas de partes costuradas que um dia pertenceram a viventes. Uma corrente constante de visgo tóxico flui por esta ala de Naxxramas; apesar de não oferecer risco para os constructos mortos-vivos que se arrastam em seu interior, a gosma é mortífera para quem ainda faz questão de respirar e ter o coração batendo.

Gluth: o cão pestilento Gluth aguarda obedientemente em Naxxramas, à espera das ordens de seus donos. Petisco nenhum satisfaz a fome voraz de Gluth. Dizem que ele é capaz de devorar com facilidade um exército de mortos-vivos por dia, para manter sua própria carne podre íntegra.

Grobbulus: carregando a mesma gosma que flui por Naxxramas em seu corpanzil, Grobbulus é um gigante de carne, o primeiro do tipo a dar certo, criado para compor um exército temível capaz de disseminar a praga dos mortos-vivos.

Retalhoso: uma das abominações mais poderosas de Kel’Thuzad, sua força e sua velocidade surpreendem aqueles que o enfrentam. Longe de ser um morto-vivo moroso e descerebrado, Retalhoso usa seu poder imenso para pulverizar qualquer coisinha de carne que surgir em seu caminho com ataques possantes. Ele só quer brincar!

Thaddius: montada com a carne de inocentes, esta abominação colossal perambula por um dos laboratórios experimentais de Naxxramas na companhia de duas criaturas imensas, Stalagg e Feugen. Raios elétricos poderosos cruzam o laboratório, sobrecarregando Thaddius e seus lacaios.

Ala dos Cavaleiros da Morte (Distrito Militar)

Muitos dos humanos e das leais montarias que um dia serviram o exército de Lordaeron agora têm seus talentos marciais usados no Distrito Militar de Naxxramas. Aqui, a serviço de Kel’Thuzad e do Lich Rei, eles aprimoram ainda mais suas habilidades, superando o que conseguiram em vida. Líderes, treinadores e coordenadores militares, todos usam seus talentos para coordenar o Flagelo como uma poderosa força de combate em vez de uma horda mentecapta. Muitos Cavaleiros da Morte começam o treinamento neste distrito, sob a batuta de seus poderosos comandantes.

Instrutor Razúvio: treinador de Cavaleiros da Morte, o mais poderoso e leal servo do Lich Rei desfere ataques certeiros e mortíferos. Dizem que somente seus pupilos conseguem resistir a um ataque de sua mortal lâmina rúnica.

Gothik, o Ceifador: mestre da necromancia, ele ensina aos Cavaleiros da Morte menos calejados o poder de evocar mortos-vivos para auxiliá-los. Até o mais inexperiente Cavaleiro da Morte é capaz de reerguer os mortos de seus túmulos, graças às técnicas sombrias e sinistras de Gothik. Fantasmas, carniçais, esqueletos... nada escapa da influência de Gothik.

Os Quatro Cavaleiros: A guarda real de Kel’Thuzad é composta pelos Quatro Cavaleiros, cada um com seus próprios poderes perversos:

  • Lady Blaumeux é uma mestra das sombras, capaz de drenar a essência vital de quem enfrenta.
  • O Thane Korth’azz controla o poder destrutivo do fogo e é capaz de evocar meteoros flamejantes dos céus.
  • Sir Zeliek foi um paladino tão poderoso em vida que ainda detém o poder da Luz na morte.
  • O Grão-lorde Mograine é o guerreiro mais habilidoso que os cavaleiros da morte já viram.
Ala da Peste (Distrito da Peste)

Tomado de monstruosidades deformadas pela praga dos mortos-vivos, o Distrito da Peste produz e refina a pestilência para criar armamentos altamente eficientes, com o intuito de destruir toda a humanidade e expandir o exército de mortos-vivos de Kel’Thuzad.

Noth, o Pestífero: outrora um mago respeitável de Dalaran, ele atendeu ao chamado do Lich Rei da mesma forma que Kel’Thuzad. Também sedento de poder, ele respondeu à convocação para servir aos propósitos do Flagelo com seus talentos em necromancia e na criação de maldições. No entanto, ao ver que a Terceira Guerra ceifava incontáveis vidas inocentes, Noth começou a repensar a decisão de se juntar a Kel’Thuzad. O lich rapidamente deu cabo da compaixão de Noth congelando o coração que batia em seu peito.

Heigan, o Sujo: o cérebro por trás da magia dos caldeirões que espalhou rapidamente a peste dos mortos-vivos por Lordaeron, corrompendo não só os humanos, mas também a fauna e a flora da região. Os arredores de Lordaeron agora são conhecidos como “Terras Pestilentas” — em grande parte, graças ao trabalho de Heigan.

Repugnaz: este rastejante do pântano é um ótimo exemplo de como a peste se manifestou na fauna e na flora locais. Em um arremedo perverso da capacidade natural de regeneração do reino vegetal, Repugnaz gera esporos mortíferos que rapidamente espalham um miasma, voltando as artes mágicas curativas contra aqueles que fazem uso delas.

Ala Aracnídea (Distrito dos Aracnídeos)

O Distrito dos Aracnídeos serve de lar para os mortos-vivos nerubianos, uma raça ancestral de seres aracnoides inteligentes. Reclusos e desconfiados de forasteiros, os nerubianos viventes lutaram bravamente contra o Flagelo dos mortos-vivos, mas acabaram sendo sobrepujados. Apesar de serem imunes à peste dos mortos-vivos em vida, nada pôde impedir o Lich Rei de trazer os mortos dentre eles para o Flagelo na morte-viva.

Anub’Rekhan: um dos lacaios erguidos pelo Lich Rei foi Anub’Rekhan, o Senhor da Cripta. Em vida, ele era um dos mais poderosos senhores nerubianos; agora, sua incumbência é guardar os portões da Ala Aracnídea.

Grã-viúva Faerlina: membro do alto escalão da Seita dos Malditos de Kel’Thuzad no passado, na morte sua função é criar e zelar pela infinidade de aracnídeos que infesta as profundezas da cidadela. Mestra dos venenos, sua compreensão acerca do que causa sofrimento aos mortais é incomparável.

Maexxna: uma aranha gigantesca encontrada nas profundezas de Nortúndria, ela se alimenta dos tolos que ousam adentrar a necrópole, produzindo as aranhas que Kel’Thuzad usa para realizar seus desígnios perversos.


Covil de Serpe Gélida

No pináculo de Naxxramas, protegido por Sapphiron, a ancestral serpe gélida descarnada, encontra-se o próprio Kel’Thuzad.

Sapphiron: antes um dragão da revoada azul de Malygos, Sapphiron foi morto por Arthas Menethil e reerguido dos mortos para proteger Kel’Thuzad por toda a eternidade. Como muitos outros da revoada dragônica azul, Sapphiron detinha um imenso poder mágico, que cresceu ainda mais quando o próprio Lich Rei o ressuscitou para servir ao Flagelo. Com total domínio sobre o frio, ele usa sua magia para defender Kel’Thuzad a qualquer custo.

Kel’Thuzad: o lich conhecido como Kel’Thuzad ocupa o trono de poder de Naxxramas, coordenando o desordenado Flagelo para formar uma força capaz de lutar em nome do Lich Rei.


Acesse o Wowhead para ver um guia completo (em inglês) de Naxxramas, com dicas e truques para vencer cada chefe.